Logos de patrocinadores da Copa do Mundo são alterados em protesto contra abusos no Catar

Não tem sido uma semana fácil para a FIFA. Além das notícias de que vários dirigentes da instituição foram detidos na Suíça devido à uma investigação de corrupção, a entidade também está tendo que lidar com diversas denúncias de abusos trabalhistas no Catar, país que deverá receber a Copa do Mundo de 2022.

Leia mais em: http://www.b9.com.br/